Seja bem vindo! Salvador, 17 de Fevereiro de 2019
   

Mario Sergio Cortella • Preste ATENÇÃO em quem discorda de você

Ser feliz sem motivo é a mais autêntica forma de felicidade.
"Carlos Drummond de Andrade"



22/12/2018
Luís Dourado
Ouvi na líder fm de Irecê falando do site de vcs! E a entrevista de ajcó! Espero que ele represente bem a região de Irecê.
20/12/2018
Carlos Rodrigues
Li a entrevista do deputado Jacó ao no site! Ele tá certo! acham Neto não liga para o bairro da Paz
19/12/2018
Carla França
Uma vergonha o que o governador fez com o Planserv
14/10/2018
Paulo Senna - Porto Seguro - Ba
Espero que realmente as propostas dos candidatos, saiam do papel!
14/10/2018
Cláudia Fernandes- Salvador - Ba
Minha gente, o que está acontecendo com a economia da nossa Bahia? O hotel Othon vai fechar?
León arma para Gabriel flagrar atitude suspeita de Sampaio

Gabriel (Bruno Gagliasso) tomou um chá que o deixou completamente em transe.

Como matemático inventou há mais de 150 anos a fórmula das buscas no Google

Cada vez que você faz uma busca simples no Google ou em qualquer outro buscador informático, entre os mecanismos de programação que permitem encontrar o que procura há princípios de lógica que foram concebidos há mais de 150 anos. 

 
 
05/02 - 16:46

 A oportunidade de fazer os primeiros discursos na Câmara movimentou a manhã dos deputados nesta terça-feira, 5. Muitos foram cedo à Secretaria-Geral da Mesa para se inscreverem na lista de oradores. No total, 105 deputados haviam pedido para falar até a abertura dos trabalhos, às 14h. O primeiro a inaugurar o púlpito foi o deputado Marcon (PT-RS). Depois dele, seus correligionários, Benedita da Silva (PT-RJ) e João Daniel (PT-SE) usaram o microfone. Além deles, outros 55 deputados se inscreveram para falar no chamado “pequeno expediente”, que é quando o parlamentar tem 5 minutos para discursar. Vinte líderes também pediram espaço para discursar. Eles têm, porém, apenas um minuto para falar. Outros 25 parlamentares falarão no chamado “breves comunicados”, em que têm 3 minutos para seus discursos.

 
05/02 - 16:46

 A oportunidade de fazer os primeiros discursos na Câmara movimentou a manhã dos deputados nesta terça-feira, 5. Muitos foram cedo à Secretaria-Geral da Mesa para se inscreverem na lista de oradores. No total, 105 deputados haviam pedido para falar até a abertura dos trabalhos, às 14h. O primeiro a inaugurar o púlpito foi o deputado Marcon (PT-RS). Depois dele, seus correligionários, Benedita da Silva (PT-RJ) e João Daniel (PT-SE) usaram o microfone. Além deles, outros 55 deputados se inscreveram para falar no chamado “pequeno expediente”, que é quando o parlamentar tem 5 minutos para discursar. Vinte líderes também pediram espaço para discursar. Eles têm, porém, apenas um minuto para falar. Outros 25 parlamentares falarão no chamado “breves comunicados”, em que têm 3 minutos para seus discursos.

 
05/02 - 16:46

 A oportunidade de fazer os primeiros discursos na Câmara movimentou a manhã dos deputados nesta terça-feira, 5. Muitos foram cedo à Secretaria-Geral da Mesa para se inscreverem na lista de oradores. No total, 105 deputados haviam pedido para falar até a abertura dos trabalhos, às 14h. O primeiro a inaugurar o púlpito foi o deputado Marcon (PT-RS). Depois dele, seus correligionários, Benedita da Silva (PT-RJ) e João Daniel (PT-SE) usaram o microfone. Além deles, outros 55 deputados se inscreveram para falar no chamado “pequeno expediente”, que é quando o parlamentar tem 5 minutos para discursar. Vinte líderes também pediram espaço para discursar. Eles têm, porém, apenas um minuto para falar. Outros 25 parlamentares falarão no chamado “breves comunicados”, em que têm 3 minutos para seus discursos.

 
05/02 - 16:43

 O vereador Alex Mine (DEM), deve ser devidamente empossado durante os próximos dias. O edil substitui Rogéria Santos (PRB), que deixa a Câmara Municipal de Salvador (CMS) para comandar a Secretaria de Políticas para as Mulheres, Infância e Juventude. Mine teve um total de 3.600 votos nas eleições municipais, em 2016, ficando assim como quarto suplente na coligação DEM-PRB-PMB. “Para mim é muito gratificante viver este momento. Ser vereador é um sonho que há muito tempo carrego dentro de mim. Me coloco a disposição do povo e me comprometo a trabalhar incansavelmente, junto ao prefeito ACM Neto, por esta cidade e pelos soteropolitanos. Vou honrar cada um dos 3.600 votos que tive nas urnas”, enfatizou.

 
04/02 - 14:17

Um balanço da Polícia Rodoviária Federal (PRF-BA), divulgado nesta segunda-feira (4), apontou 453 óbitos em estradas federais que cortam o estado em 2018. O número é 22,3% menor que o registrado em 2017, quando ocorreram 583 mortes. Segundo a PRF-BA, o número é o menor em 18 anos. O pico de vítimas fatais ocorreu em 2012, com 850 óbitos.

 
04/02 - 10:58


O ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro afirmou nesta segunda-feira, 4, que cabe ao governo federal liderar a iniciativa para mudança sobre a possibilidade de prisão após a segunda instância judicial. A afirmação de Moro foi durante coletiva de imprensa em que apresentou o projeto anticrime a ser encaminhado ao Congresso. O texto prevê varias mudanças no código de processo legal para aumentar a efetividade do combate à corrupção, crimes violentos e delitos praticados por organização criminosa. Uma proposta é tornar a prisão após segunda instância uma regra no sistema judicial criminal. Atualmente, a possibilidade de prisão após julgamento em órgão colegiado é possível com base em decisão do Supremo Tribunal Federal. Segundo Moro, o objetivo da proposta é deixar claro via projeto de lei que a prisão após a segunda instância deve ser uma regra. “Importante para corrupção, para crime violento e para crime organizado. Não adianta elevar pena, por exemplo, de homicídio se o processo não chega ao final”, afirmou Moro. Para evitar erros e prisões injustas, o projeto traz uma cláusula em que afirma que, excepcionalmente, o tribunal poderá deixar de autorizar a execução provisória da pena se houver uma ‘questão constitucional ou legal relevante’.
 

 
04/02 - 10:42


A Polícia Civil de Minas Gerais informou que o número de vítimas identificadas subiu para 107 neste domingo (3), décimo dia de buscas em Brumadinho (MG). Até a última sexta (1), foram coletadas 152 amostras de DNA de familiares de vítimas para o processo de identificação. Neste domingo, a policia realiza na Estação do Conhecimento, em Brumadinho, um mutirão para emissão de carteiras de identidade para vítimas que perderam seus documentos. O serviço vai até 16h. Com a identificação das vítimas, as autoridades informaram que o número de desaparecidos caiu de 226 para 220.

 
04/02 - 10:39


Um dia após seu partido conquistar a presidência da Câmara e do Senado, o presidente do DEM, ACM Neto, afirmou que “é importante o governo dar certo”. A sigla ainda não definiu um apoio formal à base do presidente Jair Bolsonaro. “O nosso compromisso é do país dar certo. Então é importante o governo dar certo”, afirmou o prefeito de Salvador. O deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) venceu na sexta-feira (1º) a eleição para a presidência da Câmara, e, no sábado, o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), a do Senado. Ele disse também que a sigla vai combinar a independência do Legislativo com um espírito de cooperação com a agenda de reformas do governo. “Eu apoiei [Davi] com muito cuidado. Porque tinha essa coisa de que o DEM não poderia presidir as duas casas. Fui até o limite para não caracterizar isso, mas também garantir que os dois tivessem competitividade”, disse o prefeito.

 
04/02 - 10:37


Nesta segunda-feira (4) começam efetivamente os trabalhos do Senado, da Câmara dos Deputados, da Assembleia Legislativa da Bahia e da Câmara de Vereadores de Salvador. Todas foram alvos de críticas por serem símbolos da velha política e todas caíram em contos do vigário de que há algo de novo nessa mesma política. O novo nasceu carcomido pelos vícios e por falsos profetas, tal qual a campanha eleitoral de 2018, que elegeu Jair Bolsonaro presidente da República. Portanto, aguardemos apenas o esfacelamento do discurso de que existiu mudança. É tudo um jogo de cena, cujo momento do ápice tragicômico foi a eleição de Davi Alcolumbre no Senado.

 
04/02 - 10:35

Moradores de povoados de Feira de Santana reclamam da falta de água que ocorre há cerca de um mês. Segundo a TV Subaé, o fato acontece em quatros povoados do distrito de Tiquaruçu: Caatinga, Tanque Grande, Malhada Nova e Bandeira. Devido à falta de energia na estação de bombeamento, os moradores estão usando água barrenta de um poço para higiene. Em nota, a Embasa informou que técnicos trabalham para regularizar o serviço na região. A companhia disse ainda que uma nova adutora para atender o distrito deve ficar pronta neste ano. Ainda conforme a emissora, os moradores contam que chegam a andar 1 km para buscar água em um tanque sujo.
 

 
02/02 - 23:44


Na manhã desta sexta-feira, 1º de fevereiro, o Deputado Federal baiano, Alex Santana (PDT), eleito nas eleições de 2018, com 62.922, tomou posse na Câmara Federal em Brasília. Durante a cerimônia, ele reafirmou seu compromisso com o povo baiano e disse que o seu principal objetivo é trabalhar em prol da população da Bahia e também garantir um bom futuro para o Brasil. “Agradeço a Deus e a todos os que fazem parte do nosso mandato. Tenha certeza de que nosso compromisso será firme para levar a toda Bahia muitos avanços e melhoria de vida para a população”, disse o parlamentar que pela primeira vez vai ocupar uma das cadeiras na Câmara dos deputados. Valorizar a ética e a família também será uma das bandeiras levantadas pelo deputado Alex Santana, que inclusive ajudou a reeleger Rodrigo Maia (DEM) para presidência da Câmara, seguindo a orientação do seu partido, o PDT. “Vivemos um momento importante na política brasileira, e tenho muito orgulho em representar a Bahia nesse momento”, ressaltou Alex Santana.
Rodrigo Maia recebeu 334 votos, dos 513 deputados que tomaram posse nesta sexta-feira.
 
02/02 - 10:34


O ex-deputado federal Luiz Caetano (PT) tentou no Supremo Tribunal Federal (STF) sua última cartada para assumir o mandato ontem (1º), mas a investida naufragou. O ministro Dias Toffoli, presidente do STF, decidiu não atender ao pedido de Caetano e mandou o processo para o ministro Gilmar Mendes, relator do caso. O petista ingressou com uma petição na Suprema Corte para suspender a decisão que confirmou sua inelegibilidade no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

 
01/02 - 07:06


O ex-deputado federal Luiz Caetano (PT) tentou no Supremo Tribunal Federal (STF) sua última cartada para assumir o mandato ontem (1º), mas a investida naufragou. O ministro Dias Toffoli, presidente do STF, decidiu não atender ao pedido de Caetano e mandou o processo para o ministro Gilmar Mendes, relator do caso.

 
01/02 - 06:59


O vereador da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, Carlos Bolsonaro, publicou nesta quinta-feira, 31, em sua conta do Instagram, uma foto onde ao fundo aparece o presidente Jair Bolsonaro no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo. Ele se recupera da cirurgia de retirada da bolsa de colostomia realizada no último dia 28.

 
30/01 - 20:12


A Câmara Municipal de Salvador (CMS) retoma os trabalhos legislativos na próxima segunda-feira (4), às 9h, no Plenário Cosme de Farias, com a instalação da 3ª Sessão Legislativa da 18ª Legislatura. Os trabalhos serão dirigidos pelo presidente da Casa, vereador Geraldo Júnior (SD). Ainda na sessão solene, o prefeito ACM Neto fará a leitura da Mensagem do Executivo. “Iniciamos mais um ano legislativo de muito trabalho, sempre em sintonia com a cidade e o povo. Estamos atentos às demandas da sociedade e vamos aproximar ainda mais a Câmara do cidadão, dando vez e voz para quem não tem”, afirma Geraldo Júnior. O presidente do Legislativo Municipal de Salvador acrescenta que “a Câmara manterá o diálogo independente e harmonioso com o Executivo Municipal, como prevê o princípio republicano, e os vereadores sempre vão buscar o melhor para Salvador”. Na leitura da Mensagem do Executivo Municipal, o prefeito ACM Neto vai fazer um balanço dos dois últimos anos de sua administração e poderá apresentar algumas das ações para este ano de 2019.

 
30/01 - 20:06


Antes crítico à candidatura de Renan Calheiros (MDB-AL) à presidência do Senado, o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), fragilizado, mudou de postura e disse que todos os candidatos têm sintonia com a pauta do governo de seu pai, Jair Bolsonaro. Ele também procurou afastar a crise envolvendo movimentações financeiras atípicas e funcionários de seu gabinete na Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro) do governo de seu pai. “Não tem nada a ver com o governo. Por mais que vocês queiram, não tem nada a ver com o governo”, declarou.

 
30/01 - 20:04


O Conselho Superior do Ministério Público de São Paulo determinou, em sessão realizada nesta terça, 29, a retomada de um inquérito civil que investiga Ricardo Salles, ministro do Meio Ambiente. A decisão foi unânime. O Conselho é formado por onze procuradores de Justiça, sob presidência do chefe da Instituição.

 
30/01 - 20:01


O presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, afirmou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não irá a São Bernardo do Campo para se encontrar com familiares após o enterro de seu irmão Genival Inácio da Silva, o Vavá. O próprio ex-presidente teria comunicado seus advogados após tomar conhecimento de que seu irmão já tinha sido enterrado. “O presidente Lula gostaria de participar do enterro e se despedir do seu querido irmão. É claro que ele também quer se encontrar com a família, mas para isso vai ter outra oportunidade”, disse Okamotto. O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, acolheu parcialmente o pedido da defesa de Lula e havia autorizado que o ex-presidente se deslocasse para uma unidade militar na região do ABC, em São Paulo, para se encontrar familiares. Na decisão, Toffoli assegurava a possibilidade de que o corpo do seu irmão, Genival Inácio da Silva, o Vavá, fosse deslocado para a unidade militar, destacando que “prestar a assistência ao preso é um dever indeclinável do Estado”. Vavá, no entanto, foi sepultado minutos depois, às 13 horas.

 
30/01 - 19:55


O presidente Jair Bolsonaro recebeu alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) nesta quarta-feira, 30, dois dias depois de fazer a cirurgia. Ele segue com visitas restritas, mas não tem sinal de infecção. De acordo com o boletim médico divulgado nesta tarde, o presidente segue apresentando boa evolução clínica e não tem sangramentos nem febre. “Continua em jejum oral, recebendo por via endovenosa todos os nutrientes necessários para sua recuperação. Realizou os exercícios de fisioterapia respiratória e motora, e caminhou no corredor com boa tolerabilidade”, informou o boletim. O texto é assinado pelos médicos Antônio Luiz Macedo, Leandro Echenique, e Miguel Cendoroglo.

 
30/01 - 17:16

 A Bancada do Partido dos Trabalhadores na Assembleia Legislativa da Bahia elegeu o deputado Estadual Marcelino Galo como novo líder. O deputado assume o cargo no lugar do colega Joseildo Ramos e será responsável por liderar a maior representação partidária da Casa Legislativa, por um período de dois anos. A eleição ocorreu na noite de terça-feira (29) durante reunião de bancada. Eleito por unanimidade, o deputado Marcelino Galo agradeceu o voto de confiança de todos os pares. “Assumo a liderança do PT em um momento crucial da nossa história. Precisamos lutar pela retomada da democracia no nosso país e continuar trabalhando a favor do povo baiano. Estou feliz por exercer esta liderança neste momento tão importante”, declarou o novo líder.

 
30/01 - 17:12

 O ex-presidente da Abrasel, Luiz Henrique do Amaral, foi indicado para ocupar o cargo de secretário estadual do Turismo no segundo mandato do governador Rui Costa (PT). Ele é atual gestor da pasta de Meio Ambiente, Turismo Esporte e Cultura de Vera Cruz, na Ilha de Itaparica, cargo que assumiu no início de 2017. Luiz Henrique foi indicado pelo PR e acumula passagens pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Associação Comercial da Bahia, Salvador e Litoral Norte da Bahia Convention & Visitors Bureau, Câmara Empresarial de Turismo e Conselho Baiano de Turismo. Fontes ligadas ao governo do estado dão como certa a indicação, que está próxima de ser anunciada oficialmente. Caso confirmado, Amaral substitui José Alves, também ligado ao trade turístico.

 
30/01 - 17:09

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), preso e condenado no âmbito da Operação Lava Jato, informou nesta quarta-feira (30) ao Supremo Tribunal Federal (STF) que não tem o desejo “nesta oportunidade” de realizar o deslocamento do petista para São Paulo no intuito de encontrar com familiares. Em petição encaminhada há pouco ao STF, os advogados do ex-presidente – que está preso na superintendência da Polícia Federal em Curitiba – ressaltam que a decisão do presidente da Corte, ministro Dias Toffoli, que autorizou o deslocamento de Lula para uma unidade militar em São Paulo chegou ao conhecimento do petista quando já havia sido sepultado o corpo do seu irmão, Genival Inácio da Silva, o Vavá. “Diante disso e por entender que o encontro com seus familiares horas após o sepultamento de seu irmão em uma unidade militar, na forma consignada na decisão, terá o condão de agravar o sofrimento já bastante elevado de seus membros, o peticionário (Lula) informou à sua defesa técnica que não tem o desejo de realizar o deslocamento nesta oportunidade”, comunicaram os advogados de Lula. “Essa posição, cumpre salientar, não implica em qualquer renúncia ao direito sustentado, mas o doloroso desdobramento de um inequívoco constrangimento ilegal ao qual o peticionário foi submetido até a decisão proferida por Vossa Excelência”, completaram os advogados, em manifestação dirigida a Toffoli. Antes da decisão do presidente da Suprema Corte, a ida de Lula ao velório do irmão havia sido negada pela juíza da Vara de Execuções Penais de Curitiba, Carolina Lebbos, e pelo desembargador de plantão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF), Leandro Paulsen. Conforme apurou o Broadcast, causou enorme “perplexidade “entre militares das Forças Armadas a decisão de Toffoli. A linha de ação que estava sendo desenhada no governo era de que Lula fosse levado de Curitiba para a Base Aérea de Guarulhos, que é uma unidade militar, onde se reuniria apenas com familiares.
 

 

 
29/01 - 08:44


Em 2018, 233 servidores públicos federais foram punidos por irregularidades e ‘atividades contrárias à lei’ nos estados da Região Sudeste: São Paulo (113), Rio (92), Minas (25) e Espírito Santo (3). Os dados fazem parte de divulgado, nesta segunda-feira, 28, pela Controladoria-Geral da União (CGU), que reúne as penalidades de demissão de servidores efetivos, cassação de aposentadoria e destituição de cargos em comissão, aplicadas por órgãos e autarquias. O total de registros na Região Sudeste corresponde a cerca de 36,2% dos 643 agentes públicos punidos em todo o país, maior número na comparação dos últimos 16 anos. Os dados não incluem os funcionários de empresas estatais, a exemplo da Caixa, Correios e Petrobrás. Os servidores apenados, nos termos da Lei Ficha Limpa, ficam inelegíveis por oito anos. A depender do tipo de infração cometida, também podem ficar impedidos de voltar a exercer cargo público. Em todos os casos, segundo a Controladoria, as condutas irregulares ficaram comprovadas após condução de Processo Administrativo Disciplinar (PAD), conforme determina a Lei nº 8.112/1990 (Regime Jurídico dos Servidores), que garantiu aos envolvidos o direito à ampla defesa e ao contraditório. Leia mais no Estadão.

 
29/01 - 08:42


O Brasil atingiu no ano passado a sua pontuação mais baixa e a pior colocação no Índice de Percepção da Corrupção (IPC), divulgado anualmente pela Transparência Internacional, desde que a metodologia passou a permitir a comparação anual, em 2012. Com 35 pontos – em uma escala de 0 a 100 –, o País é agora o 105.º colocado entre 180 nações avaliadas. Em 2017, estava com 37 pontos no 96.º lugar. O índice está sendo divulgado oficialmente nesta terça-feira, 29, no mundo todo.

 
29/01 - 08:40


A bancada do MDB no Senado se reúne nesta terça-feira, 29, para tentar evitar uma fissura no partido às vésperas da eleição para o comando da Casa. No encontro, os emedebistas vão decidir se mantêm a candidatura de Simone Tebet (MS) à presidência do Senado ou se lançam o senador Renan Calheiros (AL), mesmo diante de uma campanha negativa contra o parlamentar alagoano, alvo principal dos outros candidatos na disputa e nome considerado hostil pelo governo Jair Bolsonaro – ele tem o apoio de parte da bancada petista na Casa.

 
«« Primera | Anterior | 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | Proxima | Última »»
13/02/2019 | 20:03:13
Moro diz que não se encontrou com representantes da Taurus

 A assessoria de imprensa do ministro Sergio Moro informa que ele não se reuniu com Sergio Castilho Sgrillo Filho e Salesio Nuhs, representantes da Taurus.

A nota diz ainda que “não consta” dos registros eletrônicos de acesso do Ministério da Justiça qualquer referência à entrada e saída dessas pessoas.

13/02/2019 | 20:03:13
Moro diz que não se encontrou com representantes da Taurus

 A assessoria de imprensa do ministro Sergio Moro informa que ele não se reuniu com Sergio Castilho Sgrillo Filho e Salesio Nuhs, representantes da Taurus.

A nota diz ainda que “não consta” dos registros eletrônicos de acesso do Ministério da Justiça qualquer referência à entrada e saída dessas pessoas.

13/02/2019 | 20:00:27
Terça, 12 de Fevereiro de 2019 - 19:00 'Critério técnico é para os outros', diz Robinho sobre nomes do PT para secretarias de Rui

 Deputado estadual pelo PP, Robinho teceu críticas sobre a montagem do secretariado do governador Rui Costa (PT) neste segundo mandato. Para o parlamentar, o petista está mais exigente, tem imposto regras e barrado indicações de partidos da base, mas tem sido mais flexível com os nomes postos pelo PT. 

 

“Critério técnico é para os outros. Para o PT, se faz do jeito deles. Nós temos que ter nomes técnicos, mas o PT é governo e é quem manda”, transcorreu o deputado. Para Robinho, o governador errou ao não aceitar a indicação de Luiz Augusto (PP) para a Secretaria De Infraestrutura Hídrica E Saneamento (Sihs).

 

13/02/2019 | 16:46:44
OMS alerta para possível 3ª onda de surto de febre amarela no Brasil
 
Com pelo menos 36 casos de febre amarela confirmados em humanos no período entre dezembro de 2018 e janeiro deste ano, o Brasil poderia estar vivendo uma terceira onda de surto da doença. O alerta foi divulgado esta semana pela Organização Mundial da Saúde (OMS). O país registra ainda, segundo a entidade, oito mortes confirmadas por febre amarela no mesmo período. Os casos se concentram em 11 municípios de dois estados. Em São Paulo, foram confirmadas infecções em Eldorado (16 casos), Jacupiranga (1), Iporanga (7), Cananeia (3), Cajati (2), Pariquera-Açu (1), Sete Barras (1), Vargem (1) e Serra Negra (1). No Paraná, dois casos foram confirmados em Antonina e Adrianópolis. O local de infecção de um último caso confirmado ainda está sob investigação. Ainda de acordo com a OMS, entre os casos confirmados em humanos, 89% deles foram identificados em homens com média de idade de 43 anos e pelo menos 64% dos infectados são trabalhadores rurais. “Embora seja muito cedo para determinar se este ano apresentará os altos números de casos em humanos observados ao longo dos dois últimos grandes picos sazonais [o primeiro entre 2016 e 2017 e o segundo entre 2017 e 2018], há indicações de que a transmissão do vírus continua a se espalhar em direção ao sul e em áreas com baixa imunidade populacional”, destacou a entidade, por meio de comunicado.
30/01/2019 | 17:16:28
Marcelino Galo é eleito líder do PT na Assembleia Legislativa da Bahia

 A Bancada do Partido dos Trabalhadores na Assembleia Legislativa da Bahia elegeu o deputado Estadual Marcelino Galo como novo líder. O deputado assume o cargo no lugar do colega Joseildo Ramos e será responsável por liderar a maior representação partidária da Casa Legislativa, por um período de dois anos. A eleição ocorreu na noite de terça-feira (29) durante reunião de bancada. Eleito por unanimidade, o deputado Marcelino Galo agradeceu o voto de confiança de todos os pares. “Assumo a liderança do PT em um momento crucial da nossa história. Precisamos lutar pela retomada da democracia no nosso país e continuar trabalhando a favor do povo baiano. Estou feliz por exercer esta liderança neste momento tão importante”, declarou o novo líder.

03/01/2019 | 13:46:50
Posse de Geraldo Júnior: Maurício Barbosa e Fábio Villas Boas presentes

 

Por Fernanda Dourado 

 

Os secretários do governador, Rui Costa, também marcaram presença na posse do novo presidente da Câmara, Geraldo Júnior. O secretário de segurança pública, Maurício Barbosa, e o secretário de saúde, Fábio Villas Boas, estavam na disputada cerimônia. O secretário de saúde do estado - que chegou até ter seu nome cogitado para disputar a prefeitura de Salvador - não foi incluído na preferência de Rui Costa para permanecer na pasta. O governador petista afirmou a jornalistas que pelo menos três nomes do atual secretariado estariam garantidos. Os preferidos do governador são: o jornalista André Curvello, responsável pela Comunicação, o do atual titular da Fazenda, Manoel Vitório, e o do chefe da Casa Civil, Bruno Dauster. Ou seja, deixou a entender que os outros podem ser substituídos. 

03/01/2019 | 13:43:37
Léo Prates diz que Geraldinho é “engenheiro político”

 

Por Fernanda Dourado

 

Em seu discurso de despedida, o ex-presidente da Câmara e deputado estadual eleito, Léo Prates, teceu muitos elogios a Geraldo Júnior, presidente da Câmara, e até o denominou de engenheiro político. “Comunicador nato. Um engenheiro político. A câmara estará em ótimas mãos”, afirmou Prates. Ele também fez um balanço  à frente da Casa ao ressaltar vários feitos, dentre eles, investimento na comunicação da Câmara. Ele ainda disse que levará a experiência do legislativo municipal para o estadual. 

03/01/2019 | 13:41:22
Geraldinho também justificou a presença de Maurício Barbosa

 Por Fernanda Dourado 

 

“Muitos vão perguntar aqui por que o secretário de segurança pública do estado, Maurício Barbosa, está aqui. Ele é meu amigo pessoal. Amigo que a vida pública me deu”, afirmou Geraldinho. Apesar de ser um dos nomes respeitados do secretariado, ele também não teve garantia do governador que comandará a pasta. 

Antônio Conselheiro